E-mail: [email protected]   |   Telefone: (41) 99521-8611

Suporte 24/7

Google diz que emojis não prejudicam o SEO, mas vale a pena usá-los no conteúdo? 😐
8 de fevereiro de 2022

Atenção, todos os profissionais de SEO: John Mueller atacou novamente.

Dessa vez, o nosso Search Advocate do Google preferido trouxe palavras de sabedoria sobre a presença de emojis em títulos de páginas da web, meta descrições e no próprio conteúdo.

Ele disse que se você quiser usá-los, pode ir em frente. Emojis não prejudicarão nem ajudarão suas estratégias de SEO.

Mueller revelou essa atualização durante o hangout do Google Search Central SEO office-hours de 28 de janeiro. Só que uma pergunta permaneceu na minha cabeça: você pode incluir emojis em suas páginas, mas você deve realmente fazer isso?

Aqui estão dois pontos a serem considerados

1: Usar emojis pode ser uma perda de tempo 🤡

Sim, eles são bonitinhos e engraçados. Mas como os emojis não farão nada para ajudar você a ter uma classificação alta nas SERPs, qual é o sentido de usá-los?

Como profissional de SEO, você não quer dedicar horas valiosas otimizando páginas para coisas que não trarão resultados positivos.

Além disso, a SERP está sempre mudando. Se o Google simplesmente decidir parar de mostrar emojis nas pesquisas, todo o seu ótimo trabalho com eles pode ser substituído por informações de código estranhas ou quadrados em branco □.

Além de tudo isso, o algoritmo do Google já está reescrevendo um número significativo de títulos de páginas simplesmente porque acha que pode criar títulos melhores do que você.

Isso significa que seu precioso emoji no título pode desaparecer ou se tornar outra coisa. De acordo com Mueller:

“Não mostramos todos esses [emojis] nos resultados da pesquisa, especialmente se acharmos que isso atrapalha os resultados no sentido de poder parecer enganoso, esse tipo de coisa. Mas você pode definitivamente mantê-los lá, não é que eles causem problemas.

Eu não acho que você teria nenhuma vantagem significativa em colocá-los lá, porque no máximo o que tentamos descobrir é o que é o equivalente a esse emoji e talvez usar essa palavra também, meio associada à página.”

2: Emojis em títulos podem aumentar sua taxa de cliques 👆

Digamos que você está usando emojis em títulos e meta descrições, e que eles não são enganosos ou spam. Eles têm a chance de melhorar sua taxa de cliques (CTR), gerando mais tráfego para suas páginas?

Alguns especialistas em SEO acreditam que sim, embora não haja dados claros para comprovar isso.

O que sabemos é que 92% dos usuários da internet usam emojis quando se comunicam. Na verdade, 36% dos millennials consideram que os emojis expressam seus pensamentos e sentimentos melhor do que palavras.

Então, dependendo do seu negócio, pode ser uma ótima ideia incluir emojis para aumentar a visibilidade da sua página na SERP e atrair a atenção dos leitores.

Por exemplo, se você tem uma pizzaria e quer aparecer no radar de alguém que está procurando por “🍕 perto de mim”, então você pode escrever versões do seu título usando o emoji de pizza. É tudo uma questão de ter uma hipótese e colocá-la à prova.

A empresa SplitSignal, por exemplo, fez um experimento para investigar o impacto de um emoji de bebida (🍹) no título de uma página de receita. O resultado foi uma CTR maior e um aumento no tráfego orgânico de 11,3%.

Conclusão 🔚

Então, aonde chegamos?

Emojis podem tornar seu negócio mais amigável e acessível, mesmo que não contribuam diretamente para o sucesso de suas estratégias de SEO.

Como citamos, é impossível ter 100% de certeza de que seus emojis aparecerão nos resultados de pesquisa. Mas, se aparecerem, eles podem influenciar positivamente sua CTR e tráfego.

Isso realmente depende do seu negócio, do seu mercado e de quem você está tentando alcançar.

Nesse sentido, aqui vai uma dica para entender melhor seu público: confira nosso gerador interativo e construa sua buyer persona para conhecer todos os aspectos de seus clientes ideais!

The post Google diz que emojis não prejudicam o SEO, mas vale a pena usá-los no conteúdo? 😐 appeared first on Rock Content – BR.

Fonte do artigo:

Rock Content – BR

Leia o artigo original clicando no link abaixo:

Read More

Leia Também

Postagens relacionadas em nosso Blog sobre Design, SEO, Marketing e Tecnologia.